quinta-feira, 29 de abril de 2010

O Refluxo Gastroesofágico e a Voz (Fonte: BEHLAU, M. Voz: o livro do especialista v.2. Rio de Janeiro: Revinter, 2001.)

A doença do refluxo gastroesofágico é um transtorno crônico e está relacionada ao retorno do material gástrico para o esôfago, afetando estruturas relativamente próximas do esôfago como boca, faringe, laringe e até pulmões. O paciente com doença do refluxo gastroesofágico típica apresenta dor epigástrica, azia e pirose (queimação e ardência no estômago e esôfago).
Quando não há comprovação de que as alterações na vias aerodigestivas sejam decorrentes da doença do refluxo, utiliza-se, de modo alternativo, o termo síndrome laringo-faríngea do refluxo pois nesta situação há uma série de sintomas laringofaríngeos ( rouquidão, pigarro, tosse crônica, halitose, garganta irritada) além de sinais observados no exame da laringe (edema, espessamento ou hiperemia (vermelhidão) na região posterior da laringe) que são frequentemente, mas não exclusivamente, associados à doença do refluxo. Tais pacientes não apresentam pirose (queimação).
É muito importante que o fonoaudiólogo ( e também o professor de canto) conheça este tipo de alteração. Muitas vezes uma rouquidão persistente pode não ter nada a ver com a conduta vocal do indivíduo sendo portanto, de extrema importância o exame da laringe feito com o médico otorrinolaringologista.
Se este paciente for um cantor ou ator profissional, essas alterações vocais decorrentes do refluxo irão atrapalhar demais sua performance vocal. Algumas estratégias (citadas abaixo) podem ser utilizadas a fim de controlar o problema e algumas medicações podem auxiliar mas devem ser prescritas pelo médico.

 ESTRATÉGIAS PARA CONTROLAR O REFLUXO GASTROESOFÁGICO



1- NÃO COMER NA CAMA ANTES DE DORMIR

2- NÃO DEITAR ANTES DE 3 HORAS APÓS AS REFEIÇÕES

3- NÃO COMER NO MEIO DA NOITE, EVITANDO PARTICULARMENTE CHOCOLATES

4- COMER PORÇÕES PEQUENAS

5- REDUZIR ALIJMENTOS GORDUROSOS, CONDIMENTADOS E FRITURAS

6- EVITAR EXCESSO DE QUEIJOS, LEITE E DEVIVADOS

7- EVITAR ALCOOL PRINCIPALMNETE A NOITE

8- EVITAR EXCESSO DE PRODUTOS COM CAFEÍNA

9- EVITAR BEBIBAS GASOSAS, ESPECIALMENTE AS DIETÉTICAS

10- EVITAR CONSUMO DE SUCOS CÍTRICOS (LARANJA, ACEROLA, ABACAXI, TANGERINA, LIMÃO)

11- EVITAR INGESTÃO EXCESSIVA DE TOMATES, MOLHO DE TOMATE E CEBOLAS

12- EVITAR CHOCOLATES E ACHOCOLATADOS LÍQUIDOS

13- EVITAR BALAS EM GERAL, CHICLETES E USO HABITUAL DE ASPIRINA

14- FRACIONAR A ALIMENTAÇÃO DIÁRIA EM DIVERSAS REFEIÇÕES

15- ELEVAR A CABECEIRA DA CAMA EM 15 cm

16- NÃO USAR ROUPAS APERTADAS NA CINTURA E TÓRAX

17- REDUZIR O PESO, SE NECESSÁRIO

18- CONTROLAR O ESTRESSE

19- DEIXAR DE FUMAR POIS O FUMO FAVORECE O REFLUXO

20- CONTROLAR A COORDENAÇÃO FONODEGLUTITÓRIA

Um comentário:

RafaellaFélix disse...

tOU QUERENDO FAZER MEU tcc SOBRE ESSE ASSUNTO, MAS NÃO SE ACHA ARTIGOS SOBRE ELE. =/